Your browser (Internet Explorer 7 or lower) is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this and other websites. Learn how to update your browser.

X

Navigate / Search

    Risco e alerta: Escorpiões à solta

     

    Leia a matéria completa.

     

    O Centro de Saúde Centro, localizado na Rua Barão de Jaguara, voltou a sofrer com o aparecimento de escorpiões. Na quarta-feira, funcionários do local chamaram o Sindicato dos Servidores para denunciar o problema. “Me contaram que havia vários escorpiões. Quando eu cheguei consegui encontrar um na escada para o 1® andar, mas eles apareceram também na sala dc curativos e em outros locais”, afirmou João das Graças da Silva, diretor do Sindicato. A reportagem esteve no local e confirmou com funcionários que o problema está ocorrendo. “Em todo lugar tem escorpião aqui no Centro. Nós atendemos várias ocorrências dc picada de escorpião”, afirmou uma servidora que não se identificou.

    A usuária Maria das Graças conta que nunca viu o animal no local. “Esse prédio é muito velho e não é cuidado como deveria”, afirmou. Outra mulher, que não se identificou porque trabalha na Prefeitura, conta que o prédio não passa por manutenção constante e com frequência. “Se houvesse uma manutenção frequente, o problema não teria ocorrido. Complicado é que algum servidor ou usuário pode ser picado”, afirmou.

    O diretor do Sindicato disse que, no início da semana, irá procurar a Diretoria Leste de Saúde para relatar o problema e cobrar providências. “Vou levar o problema ao conhecimento do diretor de Saúde, Edson Silveira”, afirmou. Segundo Silva, a presença de escorpiões é constante no local. “Já havíamos denunciado o caso antes e nos prometeram que iriam fazer a dedetização para evitar o aparecimento de novos casos”.

    Os escorpiões costumam aparecer mais no Verão, mas para fugir da chuva eles acabaram invadindo o centro de saúde. O veneno do escorpião contém uma série de substâncias que agem sobre as células nervosas, causando dor, pontadas, aumentando a pulsação cardíaca e diminuindo a temperatura corporal. Os sintomas são mais acentuados em crianças e idosos e em alguns casos pode levar a morte.

    A Secretaria de Saúde informou, por meio da assessoria de imprensa, que o aparecimento de escorpiões é comum em toda a área e assim que o problema foi constatado foram adotadas as medidas necessárias. A Vigilância Sanitária esteve no local e determinou a adoção de algumas medidas, entre elas o fechamento de buracos e ralos e também a limpeza do local. (AAN)

    SAIBA MAIS – Como se evitar uma picada:

    • Sacuda e examine calçados e roupas antes de usá-las;
    • Mantenha limpos os locais próximos a residências evitando acúmulo de lixo, entulhos e materiais de construção;
    • Mantenha o habitat familiar livre de baratas, que são um dos principais alimentos dos escorpiões nos centros urbanos;
    • Não coloque mãos e pés dentro de buracos, montes de pedras ou lenhas;
    • Use sempre calçados e luvas nas atividades rurais ou de jardinagem;
    • Use ralos protetores;
    • Em áreas sabidamente escorpiônicas, mantenha as camas a uma distância mínima de 10 cm das paredes.

    Leave a comment

    name

    email (not published)

    website


    3 + = 5

     logo pryzant Design